O Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia (CONACYT) e a Reunião Especializada de Ciência e Tecnologia do MERCOSUL (RECyT) convocam para a Quinta Edição do Prêmio de Jornalismo Científico do MERCOSUL, que conta com o apoio da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). Esta chamada está voltada a profissionais e estudantes de jornalismo e de cursos afins, bem como pesquisadores das diferentes áreas da ciência, com incursão em espaços jornalísticos de países membros e associados do MERCOSUL que desejem apresentar seus trabalhos jornalísticos.

O concurso internacional é organizado pelo CONACYT; pelo Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação da Argentina; pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações do Brasil; e pelo Ministério de Educação e Cultura do Uruguai, como uma iniciativa da RECyT, e conta com o apoio da UNESCO.

O Prêmio Jornalismo Científico do MERCOSUL tem como propósito principal promover a comunicação da ciência, da tecnologia e da inovação no MERCOSUL para sua apropriação pela sociedade através do Jornalismo Científico. Além disso, busca estimular uma maior presença de temas relativos à ciência, à tecnologia e à inovação em meios de comunicação dos países membros e associados, e fomentar a participação dos jovens em atividades de comunicação jornalística da ciência.
O certame conta com duas categorias: Escrita e Fotográfica. A Categoria Escrita divide-se em Modalidade Júnior e Modalidade Profissional. Os primeiros lugares receberão prêmios monetários e os segundos e terceiros lugares de cada categoria e modalidade serão destacados com certificados de reconhecimento.

O tema desta edição é “Energias renováveis e novas fontes de energia”.

Os trabalhos poderão ser postulados através do Sistema de Postulações a Instrumentos (SPI) do CONACYT: https://spi.conacyt.gov.py/ até 16 de setembro de 2022, às 23h30min.

As bases e condições, bem como os formulários podem ser baixados na página http://www.conacyt.gov.py/periodismo-cientifico.

Conacyt – Paraguai