O Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia (CONACyT) do Paraguai abre chamado à terceira edição do Prêmio Jornalismo Científico do MERCOSUL e a nona edição do Prêmio Nacional de Jornalismo Científico, com o apoio da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO). A chamada é direcionada a profissionais e estudantes de jornalismo e cursos afins, assim como a pesquisadores de diferentes áreas científicas, atrelados a espaços jornalísticos nos países membros e associados do MERCOSUL, e que desejam apresentar seus trabalhos jornalísticos.

O concurso internacional é organizado pelo CONACyT, em nome da Reunião Especializada de Ciência e Tecnologia do MERCOSUL (RECyT) e, pelo terceiro ano consecutivo, o Prêmio conta com o apoio da UNESCO.

O Prêmio de Jornalismo Científico do MERCOSUL tem como objetivo principal promover a comunicação da ciência, da tecnologia e da inovação no MERCOSUL para a sua apropriação pela sociedade, por meio do Jornalismo Científico, além de estimular uma maior presença de temáticas que abordam ciência, tecnologia e inovação nos meios de comunicação dos países membros e associados. Além disso, a atividade busca fomentar a participação dos jovens em atividades de comunicação jornalística para a ciência.

O certame conta com duas categorias: Escrita e Fotográfica. A categoria Escrita está dividida na modalidade “Junior” e na modalidade “Profissional”. Os três primeiros lugares de cada categoria e modalidade serão destacados com reconhecimentos e troféus da UNESCO, RECyT e CONACyT. Para a edição nacional, está prevista ainda premiações com equipamentos tecnológicos de apoio ao trabalho profissional.

O tema escolhido pela RECyT para a edição 2019 é “Indústria 4.0”.

Os trabalhos apresentados devem abordar uma das seguintes linhas:

  1. Inovação, tecnologias disruptivas e novos modelos de negócio;
  2. Agricultura 4.0;
  3. Fabricação avançada e o futuro do trabalho.

A Industria 4.0 se trata da quarta revolução industrial, caracterizada pela integração e pelo controle remoto da produção, a partir de sensores e equipamentos conectados em rede, associados a sistemas ciberfísicos, dados e serviços inteligentes de internet. Além do mais, ela é considerada o futuro da produção, dentro de um esforço para revitalizar as empresas e a busca pela liderança tecnológica e, consequentemente, de mercados globais cada vez mais competitivos.

Os trabalhos poderão ser enviados até o dia 15 de outubro de 2019 para o seguinte endereço eletrônico: periodismocientificomercosur@conacyt.gov.py .

O Prêmio de Jornalismo Científico do MERCOSUL é uma iniciativa da Reunião Especializada de Ciência e Tecnologia do MERCOSUL (RECyT) e dos organismos de ciência e tecnologia dos países membros e associados ao bloco. A iniciativa surgiu de uma proposta apresentada pelo Paraguai na 53ª RECyT, realizada em Assunção e aprovada na reunião plenária de 4 de dezembro de 2015.

Os materiais de postulantes paraguaios concorrem ao mesmo tempo ao Prêmio Nacional de Jornalismo Científico, cuja premiação inclui equipamentos e cursos de capacitação.

Download do Edital e do Formulário de Inscrição

Fonte: CONACYT – Paraguai